Banner super
FAKE NEWS

CRIMES ELEITORAIS

serão responsabilizados os autores de fake news

12/02/2020 12h57
Por: Redacao
250

O Processo Eleitoral já iniciou em vários municípios do estado do Piauí, com as chamadas "pré-candidaturas" já colocadas de pretensos candidatos ao legislativo e executivo municipal.

O TSE já editou as resoluções que regulamentaram o certame, com várias inovações, sendo uma delas à responsabilização dos candidatos e partidos políticos pelas informações divulgadas, inclusive por terceiro, que visam denegrir a imagem de adversários.

A Resolução nº 23.610, aprovada em dezembro de 2019, estabelece em seu art. 9º que os infratores estarão sujeitos às penalidades previstas pelo art. 58 da Lei nº 9.504/97. (http://www.tse.jus.br/legislacao/compilada/res/2019/resolucao-no-23-610-de-18-de-dezembro-de-2019)

Em Teresina-Pi, VEREADORES denunciam que estão sendo vítimas das conhecidas e nefastas FAKE NEWS, conforme reportagem publicada no site cidadeverde.com de hoje (12.02.2020), e pedem à Secretária de Segurança do estado do Piauí apuração dos fatos.

Como todos sabem, as FAKE NEWS são notícias falsas, que visam denegri a imagem de pessoas, destruindo reputações, gerando conflitos familiares e um inúmeros dissabores para aqueles que são vítimas e seus familiares.

A Justiça eleitoral vem trabalhando para que esses crimes sejam evitados e, caso sejam detectados, os autores identificados e punidos. Veja o vídeo publicado pelo TSE no youtube (https://www.youtube.com/watch?v=HJBQsc2AosU)

Nas últimas eleições municipais aqui em Pedro II, várias denúncias foram feitas às autoridades policiais e junto à delegacia especializada na apuração de CRIMES VIRTUAIS em Teresina, por pessoas vítimas de FAKE NEWS.

Nossa reportagem procurou o Promotor Eleitoral junto à 12ª Zona, que abrangem os municípios de PEDRO II, LAGOA DE SÃO FRANCISCO, MILTON BRANDÃO e DOMINGOS MOURÃO, Dr. Avelar Marinho e este disse que estará atento aos crimes eleitorais, principalmente os relacionados às FAKE NEWS.