Quinta, 19 de Maio de 2022
29°

Alguma nebulosidade

Teresina - PI

Geral Acordos

OAB Piauí e INSS assinam acordos para garantir atendimento exclusivo à advocacia

A diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, e a Gerência Executiva do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) estiveram reunidos nesta segunda-feira (11/04), na presidência da OAB Piauí.

12/04/2022 às 11h08
Por: Redacao Fonte: OAB
Compartilhe:
Foto/ OAB-PI
Foto/ OAB-PI

A diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, e a Gerência Executiva do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) estiveram reunidos nesta segunda-feira (11/04), na presidência da OAB Piauí. A reunião teve como pauta principal a assinatura do acordo dos Postos de Atendimento exclusivos para a advocacia em Teresina, Parnaíba e Picos.

O ofício, solicitando a renovação do acordo, foi enviado no dia 01 de abril. Os atendimentos no Posto Exclusivo da CAAPI serão retomados nesta terça-feira (12/04).

Atualmente, os servidores do INSS estão de greve em todo o país e, em virtude da paralisação, os atendimentos foram suspensos. A OAB Piauí já havia solicitado a remarcação imediata das perícias médicas.

Na ocasião, os acordos assinados entre a Seccional e o INSS possibilitam atendimentos exclusivos para os advogados e advogadas no Posto de Atendimento do INSS, localizado na sede da CAAPI e nas cidades de Picos e Parnaíba.

No Posto de Atendimento do INSS na CAAPI, será disponibilizado uma servidor e, em contrapartida, a OAB Piauí se comprometeu a disponibilizar um estagiário.

Para o presidente da OAB Piauí, Celso Barros Coelho Neto, os acordos assinados com o INSS são reflexos das parcerias entre as instituições. “Sempre tivemos um diálogo amplo e efetivo com o INSS. Esses acordos beneficiarão toda a advocacia piauiense, assim como os segurados. A OAB Piauí estará sempre à disposição para que essas parcerias sejam sempre efetivas”, declarou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.